NFC-e: Um novo Ambiente Eletrônico para o Varejo

Ligado . Publicado em Notícias

materia

Um projeto iniciado em 2013 entrará em total vigor neste ano: a NFC-e (Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica), seu objetivo é implantar um modelo de documento fiscal único em todo o país, uma alternativa totalmente eletrônica para um melhor controle das vendas do varejo e que irá substituir a nota fiscal de venda modelo 02 série D e o cupom fiscal emitido pela ECF.

É um documento de existência apenas digital emitida e armazenada eletronicamente, com intuito de documentar as operações comerciais sem geração de crédito de ICMs ao adquirente.

As secretarias de fazenda receberão as informações da nota fiscal no mesmo instante em que ela é gerada. Tal fator também ajudará a diminuir o tempo gasto na vistoria das máquinas pelo Fisco de cada estado.

Principais vantagens da NFC-e

Um dos principais ganhos com a NFC-e é a integração com dispositivos móveis para geração e recebimento de documentos fiscais. De qualquer lugar e a qualquer momento, é possível gerar, visualizar e receber notas fiscais.

Outra vantagem evidente é a economia e o ganho de espaço, pois não será necessária a impressão dos documentos e seu armazenamento será mais fácil e organizado, sem o risco de perda ou das informações serem apagadas com o tempo.

Mesmo o documento sendo digital, é possível realizar a impressão do documento com as informações resumidas, mas podendo ser feito em papéis e equipamentos comuns.

Principais vantagens para o consumidor final

  • Consulta em tempo real de suas NFC-e por meio de QR Code no smartphone ou pelo portal da SEFAZ;
  • Segurança quanto à validade e autenticidade da transação comercial;
  • Impressão da nota em qualquer tipo de máquina;
  • Recebimento do extrato da nota fiscal por e-mail;
  • Contribuição ecológica.

Principais vantagens para as empresas

  • Simplificação de obrigações acessórias (dispensa redução Z, leitura X. mapa de caixa, aposição de lacres, registros em atentados de intervenção);
  • Dispensa o uso de equipamentos fiscais, como por exemplo, a ECF;
  • O uso de novas tecnologias de mobilidade;
  • Flexibilidade de expansão de PDVs no estabelecimento sem a necessidade de autorização do Fisco;
  • Não é existência da figura do interventor técnico;
  • Não é necessário nenhum processo de homologação;
  • Diminuição dos gastos com papel;
  • Integração de plataformas de vendas físicas e virtuais;
  • Possibilidade de envio de notas por e-mail ao cliente;
  • Possibilidade de impressão de documento auxiliar resumido ou por mensagem eletrônica caso o consumidor solicite;
  • Possibilidade de uso de impressoras não fiscais e outras;
  • Uso de papel com menor requisito de tempo de guarda;
  • Envio online e em tempo real do cupom fiscal para a Secretaria da Fazenda.

Quando à NFC-e passará a ser obrigatória?

Consulte o seu contador para saber a data vigente de sua região.

O que a minha empresa precisa para iniciar a emissão de NFC-e?

  • Obter a liberação junto a SEFAZ;
  • Certificado Digital;
  • Sistema emissor de NFC-e;
  • Computador com acesso a internet;
  • Impressora não fiscal.

Somos parceira do seu negócio

A Atual Sistemas já está preparada para atender sua empresa, juntamente com nossas parceiras de mercado Correta Fiscal na área tributária e com a OnContábil realizando a guarda de arquivos XMLs em nuvem. Saia na frente e não corra riscos com o Fisco. Entre em contato com um de nossos consultores pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou pelo 0800 888 2777 e saiba mais.

Certificação

logos  

 

 

Informativo

Cadastre-se para receber nossas notícias.

Relações Comerciais

Rua Izídio Borgo, 43 | São Gabriel da Palha
Ed. Green Center, Sala 201 - Centro
0800 888 2777

Download | Sistema para Suporte Online